Já não somos crianças, meu amigo…

Se lembra da gente com nossas conversas pretensiosamente adultas demais? Parecia que sabíamos de tudo, parecia que eramos donos do mundo, mas éramos apenas crianças.

Era tudo tão bom, quem dera que nossas vidas coubessem nos nossos sonhos!

Quem dera se ainda…Sentíssemos.

abandono1

A vida adulta não nos deu boas vindas, ela apenas se fez presente diante de desculpas como “estou sem tempo” e “seja forte”, ela foi surgindo em nossas faces à medida que aprendemos a chorar na chuva,  e de repente nos tornamos ausentes demais, aquela sinceridade dura, tão infantil, tão crua, tão inocente,foi substituída por uma artificialidade, por uma isenção,uma indisponibilidade…

“Te ligo depois, tô tão sem tempo! ”

“Crescer dói, mas não conte a ninguém e eu também não contarei”

“Posso confiar em você?”

Adultos não fazem isso. Adultos nem pensam muito, nem sobre isso, nem sobre nada.

Adultos nem sentem…

criança-carente

Não há espaços pra chorar, não há espaços pra ser fracos,o plástico cobriu tudo, não existe direito a cobranças, porque ” a vida adulta” já nos toma tempo demais…

“Não me venha com mais um compromisso!”

Adultos não fazem isso. Adultos nem pensam muito, nem sobre isso, nem sobre nada.

Aquela loucura juvenil murchou, secou, morreu, de sede…

“Pare  de reclamar! Parece uma criança mimada!”

Quem dera ainda ser criança, crescer dói tanto, não me ridicularize por querer congelar o tempo, eu sei que você também quer… Às vezes.

“Adultos não sentem isso, não sentem nada”

criancas

“Eu não sou sua mãe”

Adultos não fazem isso. Adultos nem pensam muito, nem sobre isso, nem sobre nada.

“Pare de chorar, cara!Parece um bichinha!”

Adultos nem sentem!

Toda essa vulnerabilidade assusta, toda essa vulnerabilidade é humilhante demais, e adultos…

Adultos não fazem isso. Adultos nem pensam muito, nem sobre isso, nem sobre nada!

“Quando criança eu queria ser um robô”

“Você é o adulto que imaginou ser quando criança?”

solidao

Te cobrar por não estar aqui, reconhecer que preciso de você, das suas palavras, de um útero pra me proteger…Isso é corajoso?É patético?

Adultos nem pensam muito, nem sobre isso, nem sobre nada, Cara, ADULTOS NEM SENTEM!

Talvez todo mundo se sinta assim de vez em quando, mas reconhecer isso é coisa de criança mimada, e todo mundo aqui já cresceu, já é adulto, sinto muito te lembrar.

E essa coisa de crescer,de ser tornar adulto é algo que acontece no tempo de cada um né? Mesmo se tivermos a mesmíssima idade…

” Adultos não sentem isso, não sentem nada”

Se lembra como num dia éramos crianças, e no outro dia te procurei pra conversar sobre coisas fúteis?Pra falar sobre aquelas certezas que só os inocentes têm?

E você? Você já não estava mais lá, estava atrasado demais, ou ocupado demais com alguma coisa.

sol

Sabe,ainda frequentamos os mesmos lugares, se você me procurar, você me encontrará lá, no mesmo lugar…Mas não,você não me achará mais, porque eu não sou mais a mesma, nem eu, nem você é…

E crescer, eu não sei se  você já tirou um tempo pra perceber, é dolorido na maioria das vezes, mas tem suas vantagens,você percebe que aquelas pessoas que nunca foram, simplesmente voltam, e percebe que sempre que elas voltam, não voltam pra te presentear, são como crianças de olhos brilhantes prontas a te apunhalar com suas fraquezas, com suas doçuras, roubando o pouco que você tem, te fazendo colocar toda sua fragilidade no bolso pra protegê-las, até que um dia elas crescem e te abandonam…Ah essas crianças, quando elas voltam, só voltam pra te roubar.

Mas a ironia em ser adulto é que você escolhe quem você é, e você pode simplesmente dizer que cresceu, que está ocupado demais, atrasado demais, sem tempo demais… E se alguém se queixar da sua indisponibilidade, da sua frieza em se envolver, apenas chame-a de criança mimada, e esconda toda sua fragilidade nessa máscara de seriedade, porque ainda vamos os mesmos lugares , se nos procurarem, encontrarão, mas não nos acharão, porque já não somos os mesmos.

Adultos não fazem isso, adultos nem sentem…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s