A geração MTV no 1° de Janeiro

images

 

 

 

Tinha 19.Era adulto, mas criança a ponto de simplificar todas as coisas.
Não era bonito. Nem feio.Seu sorriso era colorido, prateado, demasiado a ponto de fazer seu corpo doer.Iluminado de tanta felicidade, beirava a melancolia, era lindo, era vivo.
Ele queria dançar, pular, gritar, se jogar pra vida, se afogar em felicidade.Afinal, ele tinha todo o tempo do mundo , todo tempo que ele quisesse e decidisse ter.
Andava, cantava, corria,sussurrava,acordava, deitava, sorria…
Em um sorriso estático, imutável, eternizado.
Ele estava feliz, mas só ele estava
Em um jardim de flores lindas, mas que combinava em nada com sua juventude.
Flores confortáveis,tão vivas que eram fúnebres.
E bem que disseram:
“Não pule, não caia, não beba, não se afogue
Não corra, não mate, não grite não morra.”

Porque você é senhor de sua própria vida, mas isso jamais lhe dará direito de fazer alguém chorar pela ausência do seu brilho.

 

 

 

Texto original de 2 de janeiro de 2008.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s