A morte

Era certo.

Ela entrou no banheiro, abriu o registro, deixou a água cair levando embora a fragilidade que ela queria esconder até de si mesma que tinha.

Esvaziou-se de sentimentos.

Maquiou-se com a distinção de uma viúva;

Vestiu- se de forma discreta, mas como quem fosse pra uma festa.

Ele por sua vez, vestiu-se com o de sempre, pois aquele dia pra ele não era mais ou menos especial do que qualquer outro.

…E era certo.

Ela o observou e a realidade é que não havia muito o que ser dito pois a decisão estava tomada.

Ele observou o relógio, pensando consigo mesmo, que se havia algo pra ser enterrado, que fosse logo, pois ele tinha uma vida pra frente, um futuro pela frente e não tinha nenhum tempo a perder.

No entanto ela optou por falar demais, não porque precisava, e sim para postergar o fim, pra dar a ele o tempo de pensar no que ele estava matando.

Ele não tinha nada a dizer, não porque era o fim, e sim porque já não se sentia inspirado há uns bons anos.

… E era certo.

Temia que qualquer coisa que dissesse a machucaria mais, tentou acabar com a agonia:

” Nunca te trai!”

 

Ela prestou atenção ao que ele disse e ponderou sobre os tempos de apatia:

Descrença fervorosa, Cantar apaixonadamente uma canção sobre ódio, sorrisos tristes, silencios ensurdecedores…

Pensou consigo mesma: “Antes fosse”.

“Antes tivesse me dado um sorriso de motivo alienado, antes tivesse me emprestado a paixão (ainda que momentânea) que sentiu  por outra, antes tivesse gritado pra sobrepor qualquer silêncio ensurdecedor, antes tivesse me odiado…

Mas que fosse pra mim, tudo pra mim!”

 

E ele não possuía nenhuma emoção pra esvaziar.

E ela estava rígida, estática e sem emoção, sem mostrar nenhuma emoção. Quando se deu conta do quão triste era tudo aquilo, coisas sobre a morte que tinha vivido, não aguentou.

MORREU.

…Mas quando nasceu de novo, era outra pessoa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s