Bonzinho só se fode? Pois eu acho é pouco!

Existe por ai mulher que odeia homens galinhas, cafajestes e afins…
Eu vim de uma linhagem diferente, me irrita mesmo os moços bonzinhos, simmm eles, os bonzinhos.
Aqueles que postam nas redes sociais que “bonzinho só se fode”, que “quando o cara é bom as mina pisa”, que traveste o próprio machismo em cavalheirismo, aquele que usa o argumento de ser um homem à moda antiga apenas pra dar vasão à todos os pensamentos preconceituosos que ele possui.
O Moço bonzinho costuma ser o patinho feio, ter ideias burras, comportamento de ursinho com as gostosas e dar coices nas “gordas escrotas”.

Porque por trás daquele pseudo bonzinho, que diz que mulheres são interesseiras, existe um homem frustrado,preguiçoso, que não investe nem na aparência física, nem no crescimento emocional,ele costuma ignorar o fato de que aqueles machos Alpha que eles odeiam, aqueles que conquistam várias mulheres, passaram por um período de evolução física e pessoal, até se tornarem os caras com carisma suficiente pra conquistar quem quiserem conquistar.
O Pseudo bonzinho acha que assim que ele conquistar o carro caro e conseguir andar com roupas de marca, ele vai conquistar a primeira vadia. Ele não para pra olhar as mulheres decentes que buscam homens decentes, eles olham pras gostosas que procuram os gostosos e praguejam pelo fato dessas mulheres os desprezarem.
Pergunte se os tais bonzinhos estão dispostos a procurar mulheres no mesmo nível que eles? Jamais! Muitas vezes são deficientes de intelectualidade, fora da forma física, mas se colocam acima do bem e do mal pra fazer julgamentos, eles não se esforçaram pra ter o melhor, mas querem o que é melhor.
Sim, homens bonzinhos costumam ser machistas, não estão atentos aos detalhes de suas personalidades, eles julgam genericamente, acham que todas as mulheres são interesseiras e que a chave de uma Ferrari faz qualquer uma abrir as pernas. Um homem bonzinho vê a mulher como um produto caro, que ele conseguirá comprar com as roupas de marca, o Camaro Amarelo e o Nextel, tudo isso pago a duras prestações. Mal sabe o homem bonzinho que com esses artifícios ,ele raramente vai conquistar boas mulheres, porque mulheres poderosas têm pavor a homens fracos e inseguros, fogem léguas. Pra esses homens bonzinhos, vão sobrar somente as vagabundas que acham que usufruir de bens materiais é mais lucrativo do que aturar um mala sem alça que é esse tipo de homem.
Esse tal homem bonzinho é aquele que tem a auto estima no Menos zero, aquele que diz que mulheres são superficiais, que só olham pros bombadinhos, quando eles mesmos ficam tão ocupados olhando pras gostosonas .Os homens bonzinhos não têm brilho próprio, querem brilhar ás custas de mulheres poderosas e acham que conseguem comprar essa notoriedade de alguma forma, quando esse tipo de dom não está á venda. São como papagaios de pirata, desejam aparecer nem que seja como capachos, qualquer ostentação e qualquer reconhecimento que buscam, nunca é pelo que são, é sempre ás custas da imagem de alguém.
O homem bonzinho costuma ser passivo agressivo, ele não acredita em si mesmo, não se acha belo suficiente, nem inteligente o suficiente, nem sedutor o suficiente e assume uma postura de submisso, de puxa saco, de boa praça,porque ele acredita que se lamber o chão por onde a mulher passa, ela valorizará a atitude de rato bajulador e o colocará como escravinho sexual.

O homem bonzinho vive reclamando da vida, que as mulheres só procuram os homens que não prestam e no futuro procurará por eles, mas ficam torcendo pra que isso aconteça, só pra se gabarem de ter pego a mina popular da escola, sim aquela que ebarangou e foi desprezada, e agora eles vão descontar a raiva, humilhando-as tão logo puderem, ressaltando sempre que elas não seriam nada se não fossem eles, mocinhos bondosos dispostos a dar uma segunda chance, porque eles precisam que alguém se prenda a eles por uma dívida de gratidão, já que o carisma é zero pra conquistar em outros aspectos,para conquistar alguém por si mesmos .
O mocinho bonzinho diz que não confia em mulher que transa no primeiro encontro, porque ele prefere ficar encostado em sua montanha de comodismo e dispensar quem o dispensaria por incompetência, do que aprender a seduzir e dar prazer pra uma mulher. Pra ele é mais cômodo julgar uma mulher moralmente e descartá-la por regras retrógradas do que jogar a responsabilidade pra si e assumir um desafio de fazer uma mulher ficar enlouquecida pelo que ele é e sabe fazer na cama.
O homem bonzinho não lida bem com críticas, nem com negativas, nem com rejeição. Todos fodem com a vida do homem bonzinho, nunca é ele o problema,não é ele o zuado, não é ele que tem comportamentos escrotos, não é ele que está fora de forma, não é ele que não tem ideia pra trocar, não é ele que não é inteligente, nunca é ele, é sempre o outro, a vadia interesseira, a gostosa superficial, o Bombadinho que tem carro…Nunca é ele.
O homem bonzinho demais só é bonzinho por que é o que resta a ele, ele foi educado a vida inteira pra ser um coitado e é mais cômodo assumir esta postura de gente fraca do que que promover a mudança da própria vida, ele presta favores de sorriso largo, depois fica por aí reclamando que não é valorizado, que as pessoas não prestam e blah blah blah whiskas sachet.
O homem bonzinho na verdade é um frustrado, preguiçoso, acomodado, que prefere num mundo onde só os fortes sobrevivem, assumir um comportamento de coitadinho, pra ver se desperta a clemência das pessoas.
Se bonzinho só se fode, eu diria até que se fode pouco, pois ainda não aprendeu a se defender e reagir às mazelas do mundo, continua preso à mesma bolha de sempre, reclamando pra mamãe toda vez que se sente injustiçado com as coisas da vida, porque reclamar é bem mais fácil do que arregaçar as mangas e ir á luta em busca de crescimento pessoal, emocional e físico.

Anúncios

34 comentários

  1. Concordo totalmente.Se os caras deixassem de ser otários e manginas e virassem homens de verdade, as mulheres ia ser colocadas no devido lugar e seriam felizes sendo submissas a homenes de verdade.

    • A regra da humanidade desde os tempos mais remotos é: “Manda quem pode, obedece quem tem juízo”. Se você acha que as mulheres têm de ser submissas a você, é um direito seu, faça por onde isso aconteça, mas saiba que liderança, persuasão e espírito dominante, é algo nato no indivíduo, e se você não tem isso na sua essência, dificilmente você conseguirá ter um dia, e não é reclamando do feminismo, do egocentrismo das mulheres dentre outras “injustiças”, que você vai conseguir isso. Algumas pessoas nascem pra dominadas e outras pra dominadoras. Mundo cão, meu caro. Mundo cão.

  2. Escrota a sua crítica aos homens corretos, íntegros de caráter e que não são despóticos, mas democráticos e racionais, sabem colaborar e trabalhar em equipe, preferem trabalhar duro e servir a serem covardemente servidos.

    Sou um homem bonzinho e assumo com muito orgulho. Essa firmeza de caráter, típica dos homens íntegros e bonzinhos, faz toda a diferença. Nós bonzinhos somos persistentes, tenazes, auto-confiantes e incansáveis.

    Nós não julgamos as mulheres pela aparência ou pelo estereótipo, também não gostamos de exibicionismos baratos. Quem muito tem pouco ostenta. Essa é a lógica dos bonzinhos. É melhor ser e ter para reservadamente usufruir do que viver enrolado para exibir.

    Continue sendo imbecil e dando corda para os estelionatários e cafajestes. Eles somente têm casca. O exibicionismo e o caráter estúpido e mandão dos machos que você admira são ouro de tolo.

  3. “Entender a essência do texto”… Me explica uma coisa, então porque as mulherem decidem se casar om os bonzinhos? É por isso que fico comendo as gostosonas casado com uma boazinha. Mundo cão, somos todos egoistas.

  4. os fracos se fodem mesmo essa ea realidade do mundo os fortes sobrevivem..” Os bonzinhos tem inveja dos bombados msm .. Porq elas os desejam se sentem atraídas por eles os bonzinhos e só pra pagar as contas msm kkkk

  5. Este é provavelmente o texto mais esdrúxulo e sem nexo sobre o tema “bonzinhos só se fodem” que já li. Pelo jeito a autora resolveu tocar em um assunto que desconhece completamente.
    Ninguém escolhe ser bonzinho. bonzinho não quer dizer trouxa nem dominado, nem submisso, nem inseguro, nem nada disso. Bonzinho se nasce! Alguns até tentam mudar para o estilo babaca que a autora tanto admira (já tentei), mas tem coisa que não se muda e no fundo o bonzinho sabe que não é de sua natureza. Sofrerá num mundo de gente sem moral ou honra, mas sabe que não há fuga.
    Não confunda o homem bonzinho (educado, carinhoso, gentil, atencioso e prestativo) com um trouxa!”
    Não bata palmas para o babaca que caga na sua cabeça porque é um macho moderno. Se você gosta desse tipo de homem é problema seu, mas deixe o assunto “bonzinhos só se fodem” para os bonzinhos. escreva sobre as mulheres inexperientes e mal amadas que parece ser mais a sua área.

    p.s.
    Algumas frases que provam a total falta de conhecimento do assunto:

    – Homens bonzinhos costumam ser machistas
    – Ele não para pra olhar as mulheres decentes que buscam homens decentes
    – Um homem bonzinho vê a mulher como um produto caro
    – Esse tal homem bonzinho é aquele que tem a auto estima no Menos zero
    – O homem bonzinho demais só é bonzinho por que é o que resta a ele

    .. e poderia listar muitas mais.

    Que lixo!

  6. Ri muito (me perdoa?). Gostei do texto e da atitude refletida nele. Lendo, acabei me lembrando de outra patologia tão comum em nossa sociedade: o humilde. Já ouviu a frase “seja humilde”? É só uma outra forma de dizer “me deixe em paz com a minha mediocridade”. Talvez sejam parentes. Gosto do que você escreve. Um grande abraço.

  7. Poxa, como amei encontrar teu blog, to passando por perguntas existenciais tlgd, tenho 20 anos e to insatisfeito comigo, e sabe esse bonzinho do texto? sou eu uma meia duzia de amigos, os bonzinhos injustiçados, sabe aquela frase: ” Como pode um cara desse com essa mina?” pois é, falamos a rodo, tu abriu meus olhos percebi em mim tudo que nunca havia percebido apenas lendo teu texto, a grande questão agora é: como mudar?
    obg.

    • José, poxa, fico mega feliz por ter plantado essa dúvida em você, porque acredito que quando questionamos nossos velhos conceitos, buscamos mudanças e evoluções.
      Essa sensibilidade e senso crítico não se adquirem da noite pro dia, mas a consciência disso já te tira do lugar.
      Beijoss! Valeu a visita

  8. bom seu texto ficou muito bom, o único problema que você generalizou todos, acredito que existem homens bonzinhos, que não sejam gordos, ou como vc disse “O homem bonzinho na verdade é um frustrado, preguiçoso, acomodado, que prefere num mundo onde só os fortes sobrevivem, assumir um comportamento de coitadinho, pra ver se desperta a clemência das pessoas”, me considero um homem bonzinho, sou forte emocionalmente, busca beleza estética, tenho uma grande carreira pela frente, mais acredito que as mulheres se aproveitam de mim por ser bonzinho, e acredito que nem todos os “bonzinhos” acreditem nas mesmas coisas, por exemplo sou do tipo bonzinho que não muda se ajusta, me fodi tanto na minha vido por causa de mulher, que resolvi me adaptar a elas, eu as trato como princesas, mais primeiro sinal de aproveitamento emocional ou de interesse financeiro eu me jogo bem longe, e me torno a pessoa mais fria do mundo com essa mulher.
    Amo as mulheres é o ser mais perfeito que Deus criou, mais nem todas se aproveitam dos bonzinhos, mulheres adultas com “cabeça feita” ou seja, as maduras mentalmente, não se aproveitam de um homem, somente aquelas que precisam de alguém que elas possam pisar e se sentir superiores, aquelas feministas que acreditam que nenhum homem presta e que sofreu por causa de um cafajeste que a traiu e que a fez de boba, e ela acredita que todos são iguais, e que agora ela vai se vingar, e quem aparece “os bonzinhos” por que pra elas são os mais vulneráveis e esse ciclo continua infinitamente o bonzinho é feito de bobo, que acha uma mulher vulnerável e a faz de boba, e essa mulher feita boba, assim querer se vingar dos homens por que acredita que todos são iguais e assim vai indo,
    na minha opinião o homem bonzinho é aquele emocionalmente instável mesmo, mais com a mulher certa isso possa se resolver, como foi dito a “mulher” e não uma cria.
    Então pra um casal dar certo não importa se seja a porra de um bonzinho ou não os dois tem que serem adultos e não duas crianças que agem por impulso, e que esclarecem seus sentimentos para que os dois se cuidem no relacionamento, assim se tornando estável para os dois, nem todas as mulheres são iguais e nem todos os homens são iguais.

    • Bom dia Jeferson. O texto se refere a homens passivo-agressivos que se fazem de bonzinhos para obter a vantagem que lhes é conveniente.
      Quanto ao feminismo que você criticou no texto, te aconselho a buscar mais informação à respeito do movimento, porque me pareceu que você não tem a menor noção de qual é o ideal da causa feminista. Se tivesse , seria adepto porque feministas não querem menosprezar homem nenhum, apenas querem ter os mesmos direitos, oportunidades e deveres.

  9. Um bom texto. A evolução física não me parece ter muita relevância para as mulheres como um todo. Pode ser um ponto positivo, mas não comprometedor. Já a mental, a mais complicada. É incrível como é difícil se desfazer de maus hábitos, temos paixão por nosso doces vícios.

  10. Olá, gostaria de fazer uma pergunta, espero que voce responda de maneira honesta: O que voce acha das atitudes de cristo descritas no novo testamento?

    • Olha… Não consigo te responder isso com propriedade porque nunca li a bíblia e não sou cristã, então qualquer coisa que eu tente falar sobre isso, seria superficial e equivocada, porque não tenho nenhum domínio desse assunto.

  11. Vou ser honesto: Sempre me senti um lixo por que so me fodia do jeito que voce descreve ai no seu texto, mas depois de um tempo quando estava dentro da valeta, atolado na merda, aprendi uma coisa, e não foi através da auto estima, do investimento na beleza, ou nas táticas materialistas que são um engodo. Aprendi a conviver no fosso, e a primeira virtude que aprendi ao inverso, foi desejar a solidão e não teme-la. A misantropia é um veneno que contamina não só cada átomo do corpo mas também a alma. Ficar sosinho se torna um vício, e disso decorre que voce então passa a lidar com outros terrores e aprende a deseja-los e a viciar neles, ai então troca o dia pela noite, se transforma numa criatura obscura, que gosta do silencio; troca amizades humanas por de animais, por que os animais não precisam de palavras para se expressar, são mais sinceros e pouco dissimulados… e ai voce descobre que isso não vai dar em nada, como a vida das outras pessoas que são otimistas, descobre que todos somos iludidos, seja qual for a orientação moral, espiritual etc… tudo uma hora falha, chega uma hora que nem a tristeza faz efeito, ai o que resta e a morte, mas ela nada vai solucionar tambem, dai a gente entende o que se passa na cabeça de autores como Schopenhauer…tudo é um sonho, alguns são pesadelos… a vida é as vezes uma aurora vazia, ou um por do sol cheio de angustia… e a morte o que seria?

    • Eu acho que é sinal de maturidade e sabedoria entender que a vida é uma série de situações passageiras, e ter equilíbrio para lidar com as dificuldades é algo essencial.
      Concordo com a questão da solidão e misantropia: Autossuficiência é essencial para qualquer ser humano(embora saiba também que existem vários perfis psicológicos) Nós Americanos demonizamos solidão, como se fosse algo decadente e triste, mas não é, e seria ótimo para todos nós se tivéssemos percebido isso. Mas como disse, é um lance cultural. Na Europa mesmo, as pessoas parecem enxergar esse comportamento de solitude com mais respeito e entendimento.
      Obrigada pelo comentário. Beijos!

  12. Digo que sou um “bonzinho de csrtas na manga” se é que assim se pode dizer.. A primeira vista aquele rapaz dócil,educado gentil bem como CE disse no estilo a moda antiga.. Curiosamente as meninas marrentas de personalidade forte,sempre sao atraídas a mim como um imã..E detalhe que além do mais só aquele dito cujo franguinho,e paradoxalmente alem de serem mulheres marrentas,as mesmas sao do tipo Gostosonas,um lance ou digamo s fenômeno talvez correlacionado a psicologia reversa,ou ate mesmo de cunho mistico..Realmente opostos se atraem Meus amigos ficam estupefatos de verem tal situação,como isso é possível,poxa um cara nerd,intelectualoide,magrelo
    Bom rapaz, cavalheiro pode conseguir tal proeza.e leva las para cama.e “amanssar sua marra” E olh que nao tenho grana nao..Que bruxaria é essa!?
    E no pior quando abro a boca,alguns acham minha voz engraçada dizem parecer se a de um locutor de radiola ou então de um tenor. Mas grande parte das mulheres elogia minha voz,embora considerem algo um pouco bizarro e ao mesmo tempo lindo..
    Poxa sou tudo o que um homem normal naotem , aquilo que na teoria mulheres modernas jamais teriam atração..
    Mas como disse no início bonzinho só de fachada,maso surpreende nte é que a atração das marrentas gostosona s por mim é algo inexplicável mente metafisico,que tange as fronteiras da razão empírica.
    Pense na revolta de meus amigos.

    Qual a causa de tal proeza l!? Certamente deve ter haver com a psicologia reversa,pois tal fato da se mais com esse tipo de ditas “marrentas gostosona s” as meio termo realmente não demonstram atração em mim, só as marrentas top máster..
    E entre o céus a terra existem muitos mistérios que nossa vã filosofia não os alça.. Beijos

  13. Ótimo seu texto!!! Um tapa na cara!!!!!! Vou te confessar: sabia que isto serviu pra mim perfeitamente? Mas sabe o que é mais interessante? Eu estava agindo assim, inconscientemente!!! Sem perceber… Tudo o que vc escreveu, eu me comportei assim, mas no fundo, eu não entendia o que dava errado em mim. Ser bonzinho seria também sinônimo de inseguro? Valeu!!!!

    • ô André, todo mundo já foi bonzinho esperando recompensa por algo, ou oprimindo a pessoa com gentileza… Coisas da vida, depois a gente aprende hauaha
      E Bonzinho não é sinônimo de inseguro, mas é um sintoma da insegurança. A gente tem aquela necessidade de ser aceito e acaba fazendo tudo pra agradar os outros, se tornando mega passivos; ou seja, nada positivo pra ninguém.
      Obrigada pelo comentário. beijo!

  14. A gente só se incomoda com o outro quando percebemos as nossas próprias características indesejadas refletidas como num espelho, alguma parte obscura do nosso ser quer nos convencer de que não temos nada a ver com isso (uma forma eficiente de lidar com a frustração e colocar os atributos dos “bonzinhos” para longe). Todo mundo é cafajeste e “bonzinho” em alguma medida, dependendo da das condições de pressão e temperatura uma característica subjuga a outra, creio que no fundo toda essa discussão pode ser resumida no desgosto de não sermos bons o suficiente para conseguir os “melhores” parceiro(a)s.

    • Muito bem observado!
      Valeu pela reflexão , Carlos!
      No fim das contas, somos muitas pessoas, muitas facetas num corpo só. Faz parte da nossa humanidade todas essas nuances de personalidades… E é só reconhecendo certas características e certas vulnerabilidades que a gente consegue fazer uma análise tão precisa e até admitir essas coisas diante do mundo.
      Beijos!
      Obrigada pelo comentário

  15. Misericória!

    Nunca vi tanta baboseira escrita num mesmo lugar juntas. É impressionante o ponto de vista da escritora. Eu hoje entendo que realmente “Bonzinho só se ferra” mesmo, mas é a primeira vez que vejo essa visão pseudo-feminista escrota. A escritora trata a boa educação e gentilezas, vindas de um homem, como sinal de fraqueza. Então quando alguém troca o pneu do teu carro enguiçado na rua, este que parou pra te ajudar é um total fracassado.

    Bem, não vou somente criticar não, na verdade, sem sarcasmo, tenho também que agradecer à autora pela importante opinião dela, afinal, parece que realmente existem muitos homens e mulheres que compartilham da mesma opinião.

    Apesar de não concordar com muitas das coisas que li, me serviu para crescimento pessoal.

    No dia de hoje, devido à muitas coisas que aconteceram na minha vida, que nada tem a ver com relação entre homem e mulher, e agora também com a leitura desse artigo eu desisti de ser “bonzinho” e (infelizmente) viva a individualidade e o egoísmo!

    Mais a frente conto como está sendo a experiência…

    Espero não me f**** mais!

    Grande abraço à todos!

    • Rafael, nossa… seu texto é totalmente ambíguo… crítica mas depois elogia… gosta mas não gosta… (?????) … vc tem que decidir, rapá!!! E a coisa de ser “o bonzinho” é um lance de pura falsidade porque o cara disfarça uma coisa para conseguir outra. O que prevalece no homem é ser congruente, ou seja, agir de acordo com a sua intenção e nisso, as mulheres piram!!!!! Não é mesmo, Estela?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s